Valorização do Vidro Laminado

Entenda os benefícios que o vidro laminado oferece para a valorização do seu imóvel.

 

Um dos vidros mais procurados e indicados por arquitetos e engenheiros, o vidro laminado é utilizado principalmente para a construção de fachadas de edifícios corporativos. Este produto ganhou muito espaço e o respeito dos arquitetos principalmente pela segurança que oferece. Então, passou a ser aplicado em diversas outras áreas e ambientações, como pisos, coberturas, escadas e janelas.

A maior característica do vidro laminado é a segurança que o mesmo oferece em caso de quebra ou acidentes. Composto por duas placas de vidro unidas por uma camada de PVB (polivinil burital), em caso de quebra, os cacos ficam presos nesta película, evitando assim, maiores acidentes. Além disso, o vidro laminado oferece uma boa redução de ruídos, já que as vibrações sonoras são amortecidas pela camada de PVB que une as duas placas de vidro.

fachada-vidro-laminado

Graças à segurança, resistência e conforto acústico, o vidro laminado ou o vidro laminado temperado são indicados pelos especialistas para construções civis. A diferença entre o vidro laminado e o vidro laminado temperado é que o segundo, além da laminação, também passa pelo processo de têmpera, para que assim, seja muito mais seguro e resistente.

O vidro laminado, portanto, é um produto capaz de agregar modernidade, transparência, elegância e conforto, além de acrescentar na sensação de limpeza e tranquilidade do ambiente. Contudo, para que tudo isso seja possível, o vidro laminado conta com a norma da ABNT NBR 14697 que determina especificações para diversas aplicações e também que todos os vidros de segurança, classificados como autoportantes, devem ser laminados, para que assim, a segurança seja garantida a todos.

E nada melhor do que a segurança e modernidade para garantir a valorização do imóvel. Afinal, o mais adequado é utilizar o vidro indicado por arquitetos e engenheiros especializados no assunto para oferecer segurança e transparência nas fachadas, coberturas e sacadas dos edifícios.

Compartilhe: