A HISTÓRIA DOS VIDROS NO BRASIL

O vidro chegou ao Brasil pela primeira vez como moeda de troca pelo pau-brasil, mas o início de sua produção em território nacional só começaria um século mais tarde, com o intuito de agradar a elite da época.

 

historia-do-vidro

Após anos de sucesso, a fabricação nacional de vidros foi proibida pela Coroa, que acreditava que a produção poderia trazer problemas para o governo. Mas com a chegada da família real portuguesa, as coisas começaram a mudar.

Em 1812, a primeira fábrica de vidros do Brasil foi inaugurada, dando inicio a produção de diversos itens como globos, janelas, artigos de mesa, dentre outros. A arquitetura da época também favorecia muito a indústria, pois graças ao estilo neoclássico múltiplas janelas podiam ser encontradas em meio aos casarões nobres.

As mudanças na indústria vidreira foram acontecendo com o tempo. Apenas em 1895 começaram a ser utilizadas máquinas para a produção de vidro, com itens como copos e garrafas.

Hoje, a tecnologia é uma forte aliada. O setor de construção civil é um dos grandes responsáveis pelo crescimento acelerado em duas décadas de produção.

A Divinal, fundada em 1953, também faz parte da história da indústria vidreira no Brasil, e continua oferecendo as mais diversas  e melhores opções de vidros temperados, laminados, com proteção solar, com  proteção solar para residências, duplo ou insulado, laminado de temperados, serigrafado e esmaltado, pintado comum e temperado, extra-clear, espelhos, box de vidro, bisotê, lapidação e incisão, impresso, autolimpante para projetos de pequeno, médio e grande porte.

E caso você queira desenvolver um projeto, saiba que a Divinal está presente nas cidades de São Paulo e Minas Gerais, enviando os melhores produtos do mercado para o Brasil inteiro.

Fonte Livro a Historia do Vidro – Marcelo Aniello e Cristina Yanez.

Compartilhe:

Comentários